Tratamento natural para alívio da rubéola

Dicas Cura | terça-feira, dezembro 18, 2012 | 0 comentários

A rubéola é mais uma doença infecciosa causada por um vírus (togavirus do gênero Rubivirus), que pode atacar crianças e adultos; mas, é mais comum em crianças. Os principais sintomas são febre baixa, dores de garganta por até dois dias e o aparecimento de erupções discretas de cor laranja-avermelhada na pele, e que começam no rosto e vão se espalhando pelo corpo. Os gânglios linfáticos também podem ficar inchados. A mais séria complicação da rubéola afeta as crianças nascidas nos três primeiros meses de gravidez com catarata, defeitos cardíacos congênitos e surdez, entre outros distúrbios. O tratamento da rubéola é feito com o controle da febre e cremes ou loções para diminuir a coceira. O doente deve ser isolado por 21 dias, a partir do primeiro contato, e ficar afastado principalmente de mulheres em início de gestação. Em caso de suspeita da doença, é preciso sempre consultar um médico. O mais importante é a vacinação, que deve ser oferecida à todas as crianças e as mães após o parto.
 


Recomendações Naturais:

Plantas

Milho: Preparar chá com 80 gramas de palha e cabelo de milho para cada litro de água. tomar banho com o chá, 1 vez por dia.
Sabugueiro: Preparar chá com 80 gramas de flores de sabugueiro para cada litro de água. Tomar banho com o chá, 1 vez por dia.

Frutas

Acerola: Bater a acerola no liquidificador. Tomar 250 ml do suco pela manhã, em jejum.

Hortaliças

Agrião: Bater o agrião no liquidificador e diluir o suco obtido em água. Tomar 3 xícaras ao dia. É recomendável incluir o agrião na dieta principalmente em forma de salada temperada com azeite de oliva, limão e sal.
Lentilha: Misturar 50 gramas de grãos de lentilha para cada litro de água e cozinhar em panela de pressão por 15 minutos. Tomar 2 xícaras do chá ao dia.


Category:

0 comentários